« HE:labs
HE:labs

O Empreendedor e Seu Apego ao Produto dos Sonhos

Postado por Rafael Miranda em 20/06/2014

Parte do meu trabalho na HE:mobile é conversar com empreendedores ou futuros empreendedores. Escuto, todo mês, dezenas e dezenas de ideias de produtos e negócios digitais. É um processo extremamente bacana e tenho experiências incríveis. Porém, um ponto disto tudo me entristece cada dia mais: o fato de que alguns destes negócios não viram realidade porque seus idealizadores só quererem o produto perfeito. O produto dos sonhos.

Muitas das pessoas que vêm até nós têm idéias excelentes. Algumas delas, além da ideia, possuem também um diferencial competitivo bem claro. Normalmente estas, nos casos que vivencio, além de uma boa ideia e um diferencial competitivo sólido, têm também capital para investir.

O que me entristece é o que ocorre com uma grande parcela deste grupo de empreendedores: o apego ao Produto do Sonhos.

Produto dos sonhos

Este produto contém inúmeras funcionalidades, recursos incríveis, funciona em todas as plataformas mobile nativamente, além de também ter uma versão complementar web, preferencialmente responsiva. O Produto dos Sonhos realiza inúmeras integrações com outros sistemas, redes sociais, etc. Gera relatórios com gráficos modernos, transições e animações bacanas e faz tudo o que o empreendedor sonhou, ou alguém comentou que poderia ser legal ter no app.

A imagem que tracei é bem exagerada, mas o ponto é: na cabeça do empreendedor, neste produto tudo é fundamental. Não existem funcionalidades ou recursos mais ou menos importante. Para ele, todas as funcionalidades são fundamentais para o produto fazer sentido. Sem tudo o que foi pensado, o investimento não vale a pena.

Na grande maioria das vezes um Produto dos Sonhos possui muitas funcionalidades e recursos. Naturalmente, criar este produto implica em um alto investimento, que normalmente o empreendedor não possui de imediato. Frente a isto ele, infelizmente, desiste de levar a ideia a frente, pois está apegado à visão de produto perfeito que ele criou.

A questão é que este alto investimento não é necessário. Inclusive, nem é recomendável que ele seja feito desta forma. Reduzir o escopo inicial a um conjunto menor, mais focado e direcionado, e investir de forma gradativa, normalmente faz muito mais sentido. Acompanhar o produto sendo criado, ver e usar cada nova versão, e pedir que usuários reais utilizem estas versões, permitirá que um app (e um negócio) muito melhor seja construído. Para isso, você não precisa investir um alto valor e construir todo um produto imaginado.

Na HE:mobile nós incentivamos nossos clientes a investirem de forma inteligente e entregamos versões funcionais do app toda semana. O nosso cliente pode acompanhar diariamente o que o time está fazendo e pode conversar diretamente com quem está construindo o seu produto. Este tipo de transparência, velocidade de feedback e colaboração é fundamental para que um melhor produto seja criado. Para que um melhor produto seja descoberto.

No momento em que mais empreendedores se derem conta disto, e se desapegarem do seu Produto dos Sonhos, melhores negócios florescerão.

Compartilhe

Sabia que nosso blog agora está no Medium? Confira Aqui!