As próximas duas décadas serão diferentes de qualquer coisa que vivemos nos últimos cem anos.

Ser capaz de ver o potencial a que podem chegar as atuais tecnologias, de uma forma global e abrangente, e entender como novas tecnologias serão aceitas e adotadas pela sociedade, ou ainda o que cairá em desuso depois que as pessoas se cansarem, pode ser um tanto desafiador e até pretensioso.

O que há duas décadas poderia ser considerado algo extremamente longínquo de ser realizado, hoje faz parte da rotina e das facilidades do dia a dia de quase toda uma sociedade; smartphones, mais memória de armazenamento em um menor espaço de disco, porém, e óbvio também, é que a humanidade nunca esteve tão conectada.

Entretanto, é possível, sim, fazer previsões do que está por vir. Provavelmente, nos próximos anos, quando qualquer superfície puder ser usada como tela, o tráfego de informações wireless quadruplicará de velocidade; o primeiro computador quântico estará disponível para venda; a transmissão de dados aumentará em 44 vezes; a velocidade de banda larga doméstica será 20 vezes maior que a atual; será possível realizar a compra de um disco rígido com capacidade de 11 petabytes, o equivalente a um armazenamento de vídeo com gravação de 600 anos, reproduzindo sem parar 24h do dia.

As tendências viáveis para um futuro próximo vão muito além ao que a tecnologia nos proporciona hoje. Estamos entrando na era da inteligência artificial, com assistentes virtuais que cada vez mais fazem parte do nosso dia a dia, da impressão 3D, em que já é possível imprimir roupas e até alimentos; dos wearables, que vêm contribuindo diretamente para a saúde e bem-estar por meio de smartwatches, pulseiras lifeband, eletrodomésticos conectados e carros autônomos, gerando um trânsito menos estressante e mais seguro, e, ainda da realidade virtual e aumentada, que já beneficia cidadãos de inúmeras formas, proporcionando experiências únicas e inimagináveis há alguns anos. E tudo isso é só o começo!

A tecnologia tomará conta do nosso dia a dia

Nos próximos 20 anos, é esperado que a IA proporcione uma melhor experiência que a dos humanos, independentemente da área de atuação. Seja no segmento jurídico, seja na medicina, seja em qualquer outra área.

Nos próximos anos, as empresas vão eliminar a maior parte de mão de obra e substituir seus campos de atuação por máquinas capacitadas para cada função. Por isso é importante buscar meios de estar atualizado e ter o maior conhecimento tecnológico possível. É normal que a substituição comece pelos menos instruídos e capacitados. Um documento de pesquisa da Universidade de Oxford proclamou que as máquinas assumirão quase metade de todo o trabalho realizado por humanos e que 90% da população acabará sem trabalho.

Tudo indica que a contabilidade de empresas nos próximos anos será toda feita por softwares; serviços, como os de garçons, motoristas e trabalhadores de fábricas, serão robotizados; assim como os serviços de vendas, que serão substituídos por robôs.

Estima-se que, nos próximos 10 ou 20 anos, será possível uma pessoa entrar em contato com seu médico virtual por meio de seu smartphone, mostrar sintomas por intermédio da câmera e obter um diagnóstico de triagem até chegar a um especialista, isso tudo sem ter de sair de casa.

O futuro e as impressões tridimensionais

Emergindo com a inteligência artificial, a realidade virtual e aumentada e a robótica estão as impressões 3D. Com elas, será possível até mesmo construir casas e edifícios.

A empresa chinesa WinSun construiu o primeiro edifício do mundo, com peças impressas em uma impressora tridimensional. O prédio construído é composto por 5 andares e está disponível no Parque Industrial de Suzhou, na China.

A empresa ainda utilizou na construção materiais reciclados para a massa utilizada na impressão dos grandes blocos em 3D e incrementou uma substância para servir como endurecedor, fazendo com que as peças possam ser manipuladas e montadas de maneira mais ágil.

A expectativa da empresa é que seja possível construir casas mais acessíveis, principalmente à comunidade de baixa renda e em um tempo reduzido. Ela ainda pretende se incorporar ao segmento da construção civil, construindo pontes e até arranha-céus.

Na Rússia, também já foi construída a primeira casa por meio de uma impressora 3D. Ela possui cerca de 37 metros quadrados e foi construída em apenas 1 dia, com o custo estimado em aproximadamente US$ 10 mil, pela empresa 3D Apis Cor.

Também se espera que, nos próximos 20 anos, seja possível as pessoas imprimirem suas próprias vestimentas, sapatos e até alimentos. É o futuro cada vez mais próximo de nós.

Como a NANOTECNOLOGIA vai mudar o mundo

A partir da nanotecnologia, espera-se que, nos próximos anos, seja possível retirar células de câncer de um indivíduo, por meio de uma explosão de pequenas partículas, e introduzir partículas em remédios para obter um resultado mais preciso e mais ágil.

Espera-se ainda que a nanotecnologia contribua para a recuperação do meio ambiente, por meio de nanossensores instalados em automóveis, controlando a emissão de gases tóxicos ou com nanoimãs fazendo a despoluição de águas contaminadas pelo petróleo.

Segundo um estudo realizado pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro, até 2025 o investimento mundial em nanotecnologia é estimado em 5 trilhões de dólares. E, tendo em vista que os produtos utilizados na nanotecnologia sejam em tamanhos reduzidos, ainda é possível que o investimento gere uma enorme economia já que os produtos utilizados para as mesmas funções atualmente necessitam de muito mais matéria-prima.

Carros sem motoristas

Nos próximos anos, os carros não precisarão de motoristas, o que tornará o trânsito muito mais seguro por não estarmos suscetíveis a erros humanos. Imagine uma longa viagem de carro, em que você poderá ler, dormir ou até se divertir enquanto o carro se desloca sozinho e de maneira segura ao seu destino.

Os carros autônomos serão ainda mais úteis para a população de idade mais avançada que já não pode mais dirigir ou as pessoas com alguma deficiência física/motora.

É praticamente impossível prever o futuro ou o quanto longe a tecnologia chegará. O mundo evolui constantemente e a todo momento surgem tendências. A tecnologia já domina praticamente todos os segmentos e não para desacelerar. Mas sua empresa não pode ser passiva e apenas acompanhar as evoluções. Hoje é o melhor momento para você preparar a sua empresa para esse amanhã. Entre em contato!

HE:labs - Especialista em inserir grandes empresas na nova era digital
Tecnologia para resultados. A solução digital da sua empresa pronta para testar desde a primeira semana, sem riscos.
HE:labs.com

Categorias:

Tendências Inovação Mercado

    O que você está esperando?

    Vamos produzir algo espetacular juntos!

    Contrate
    X